PODCAST: Episódio #23 – Um Sonho de Liberdade

Clique com o botão direito e salve este episódio.

No episódio #23, Sergio, Alexandre e Fred são encarcerados na prisão de Shawshank junto de Tim Robbins e Morgan Freeman para debater o excelente filme de estréia do diretor e roteirista Frank Darabont, intitulado “Um sonho de Liberdade” (título original, The Shawshank Redemption). Realizado em 1994, a película é hoje uma das mais populares do cinema, figurando no topo da lista dos 250 filmes mais votados no site IMDB desde 2008. Indicado a sete Oscars, entre eles melhor filme, o longa é baseado num conto de Stephen King e está entre os melhores dramas de prisão já feitos pelo cinema.

ep23_shawshank_redemption

Trilha Sonora: Músicas compostas por Thomas Newman para o filme “Um sonho de liberdade”, “If I didn’t care”, composta por Jack Lawrence e performada por The Ink Spots, canção utilizada no filme “Um sonho de liberdade”, “Put The Blame on Mame”, composta por Allan Roberts e Doris Fisher e performada por Anita Kert Ellis para o filme “Gilda”.
Duração: Aprox. 1h e 17min.

 VÍDEOS SOBRE ASSUNTOS COMENTADOS NESTE EPISÓDIO

Pequeno “Making of” em VHS que revela cenas raras descartadas do corte final do filme.

Curto registro da celebração de 20 anos do filme, com visitação às locações utilizadas no filme.

 Pequena entrevista com Tim Robbins realizada logo após a estréia do filme.

Curta-metragem “Sharktank Redemption”, estrelado por Alfonso Freeman, paródia de “Um sonho de liberdade”.


Acesse esta galeria para ver algumas imagens que ilustram coisas comentadas neste episódio. Clique nas fotos da galeria para ver as descrições.

2 comentários sobre “PODCAST: Episódio #23 – Um Sonho de Liberdade

  1. Eu não consigo entender como a aquela porcaria de filme de Forest gump ganhou o oscar, Pulp Fiction e Um sonho de Liberdade são clássicos absolutos do cinema. Prefiro qualquer outro filme do Robert Zemecks, como Uma cilada para Roger Rabbit, De volta para o futuro, Naufrago, O voo, enfim pra mim forest gump é um filme completamente desnecessário, é um filme que alterna entre a referencias historicas idiotas do protagonista, e a Jenny bancando a vilã de novela das 9, que ainda é punida no final do filme morrendo de aids. Por que que eu continuo assistindo o oscar?

    Curtido por 1 pessoa

Deixe aqui sua opinião sobre isso!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s