Resenha #75 – Sua Única Saída (Pursued, 1947)

Em sua vastíssima carreira de mais de 50 anos, o diretor Raoul Walsh transitou extremamente bem tanto por westerns como pelos filmes noir.  Podemos concluir que certamente não foi à toa que, em 1947, ele dirigiu um filme que mistura extremamente bem os dois gêneros.  Apesar de totalmente ambientado no Oeste (mais precisamente no Novo…

Resenha #73 – Fogueira de Paixão (Possessed, 1947)

Sendo o filme noir um gênero intimamente ligado aos gêneros policial, criminal, mistério e até mesmo aos filmes de gangster, é natural que eles despertassem maior interesse no público masculino. Este certamente foi um dos motivos que fez com que os estúdios (especialmente a Warner), na esperança de atrair o público feminino, produzissem filmes do…

Resenha #72 – Afrontando a Morte (The Crooked Way, 1949)

Dirigido pelo veterano Robert Florey (que frequenta Hollywood desde os anos 20, tendo dirigido inclusive um filme dos irmãos Marx), “Afrontando a Morte” é um típico filme noir de baixo orçamento, daqueles que podemos categorizar com um filme “B”.  É capaz de entreter o espectador, mas desde que este baixe suas exigências. antes de começar…

Resenha #71 – Mercado Humano (Border Incident, 1949)

O diretor Anthony Mann foi bastante produtivo em dois gêneros:  nos anos 40 dirigiu uma penca de filmes criminais e de suspense de baixo orçamento, chegando a fazer alguns noir relativamente importantes, como “Moeda Falsa” (“T-Men”) e “O Demônio da Noite” (“He Walked by Night”), ambos no estilo semi-documentário;  a partir de 1950, entretanto, abraçou…