PODCAST: Episódio #173 – Ettore Scola

Gravamos mais um ótimo papo, desta vez para abordar a filmografia de um diretor que pode ficar de fora do radar de parte dos cinéfilos quando pensa no cinema italiano. Alexandre e Fred recebem novamente o cinéfilo e repórter Tony Vendramini (“Podcast Cinema Italiano”) para conversar sobre a vida de Ettore Scola, cineasta napolitano que começa como roteirista, mas atinge seu auge dirigindo filmes na década de 70 e 80. Nesta oportunidade focamos em três grandes longas de Scola: “Ciúme à Italiana” (Dramma della gelosia (tutti i particolari in cronaca), 1970), “Feios, Sujos e Malvados” (Brutti, sporchi e cattivi, 1976) e “Um Dia Muito Especial” (Una giornata particolare, 1977).

PODCAST: Episódio #172 – Taxi Driver

Alexandre e Fred trazem dois convidados para falar sobre um dos filmes mais importantes de Martin Scorsese. Marcelo Rennó e Marcos Damiani se juntam ao Podcast Filmes Clássicos para falar sobre “Taxi Driver: Motorista de Táxi” (Taxi Driver, 1976), um marco na carreira de Scorsese e longa de fundamental importância para o cinema americano da década de 70 e para a Nova Hollywood. O roteiro de Paul Schrader, escrito a partir de problemas pessoais e algumas influências como o personagem de John Wayne em “Rastros de Ódio” e o  Raskolnikov de “Crime e Castigo”, conta uma história que gira em torno de um motorista de táxi que se sente alienado na metrópole Nova York.

PODCAST: Episódio #171 – Dicas Triplas do PFC #22

Tem mais dicas pra você com Alexandre e Fred recebendo o professor Fábio Rockenbach (Universidade de Passo Fundo e Canal “Cena a Cena”) para fazer uma edição do “Dicas Triplas do PFC”. Abordaremos como de costume três filmes de nacionalidades diversas. Começamos com “Os Basiliscos” (I Basilischi, 1963) o longa de estreia da diretora italiana Lina Wertmüller. Seguimos na sequência falando sobre outro estreante: Ridley Scott experimentava a tela de cinema pela primeira vez com o excelente “Os Duelistas” (The Duellists, 1977), clássico inglês com produção da Paramount Pictures. Encerramos na década de 80 com “A Testemunha” (Witness, 1985) que foi a primeira vez que o australiano Peter Weir dirigiu nos Estados Unidos e contou com a estrela Harrison Ford.

PODCAST: Episódio #170 – Perdidos na Noite

Nos reunimos mais uma vez para cair na noite de Nova York com um aclamado filme da Nova Hollywood. Fred e Alexandre recebem o músico Willian de Andrade para debater o excelente “Perdidos na Noite” (Midnight Cowboy, 1969) drama urbano dirigido pelo inglês John Schlesinger que lançava o novato Jon Voight e contava com Dustin Hoffman em seu segundo papel no cinema, uma estrela em ascensão. Ganhador do Oscar de melhor filme, direção e roteiro na cerimônia de 1970, é até hoje um dos longas mais importantes do movimento.

PODCAST: Episódio #169 – Sidney Lumet

Alexandre e Fred trazem de volta o professor de jornalismo Fábio Rockenbach para debater três excelentes filmes do americano Sidney Lumet, o excelente cineasta que aprendeu seu ofício no teatro e na televisão. Lumet estreia no cinema já com a obra-prima “Doze Homens e Uma Sentença” (filme já comentado no Episódio 58 deste podcast), mas é na década de 70 que irá fazer três brilhantes longas que comentamos neste áudio: “Serpico” (Serpico, 1973) sobre o caso real de um policial que se recusou a ser corrompido, “Um Dia de Cão” (Dog Day Afternoon, 1975), um de seus filmes mais aclamados no período e “Rede de Intrigas” (Network, 1976), com roteiro do excelente Paddy Chayefsky, que como Lumet, conhecia muito sobre o mundo da televisão.

PODCAST: Episódio #168 – Napoleão

Alexandre e Fred estão juntos mais uma vez para receber o crítico Rafael Amaral e desta vez, debatemos um filme indicado pelo nosso convidado. A escolha para esta oportunidade foi um visionário filme feito por Abel Gance na França nos anos 20: “Napoleão” (Napoléon vu par Abel Gance, 1927). A obra-prima do cineasta antecipa alguns detalhes que seriam, no futuro, padrões a serem seguidos pela indústria cinematográfica no mundo todo. Com o completo domínio da linguagem, Gance faz um dos clássicos mais importantes do período e a obra definitiva sobre o General Francês.

PODCAST: Episódio #166 – Homenagem a Sidney Poitier & Peter Bogdanovich

Com os falecimentos recentes de dois grandes nomes do cinema americano, no mesmo dia  inclusive, o PFC resolveu dedicar um episódio inteiro à dupla. Fred e Sergio recebem na primeira hora, o professor de jornalismo Fábio Rockenbach (Universidade de Passo Fundo-RS e Canal “Cena a Cena”) para falar sobre o que talvez seja o papel mais aclamado de Sidney Poitier, na produção dirigida por Norman Jewison, “No Calor da Noite”. Na segunda parte do áudio recebemos Rafael Amaral, crítico do Blog “Palavras de Cinema” e do Jornal de Jundiaí para trocar uma ideia sobre a obra prima de Peter Bogdanovich, “A Última Sessão de Cinema”, filme que tornou o diretor um dos nomes mais badalados na Nova Hollywood.

PODCAST: Episódio #165 – Todos os Homens do Presidente

Dando sequência à oitava temporada do Podcast, Fred e Alexandre são acompanhados pelo professor de jornalismo da Universidade McKenzie e produtor do podcast “Cinefilia & Companhia”, Hugo Harris. Lançado em 1976, “Todos Os Homens do Presidente” (All The President’s Men), dirigido por Alan J. Pakula e produzido por Robert Redford, é o até hoje o filme mais importante feito sobre o famoso escândalo de Watergate, que acabou por derrubar o então presidente americano Richard Nixon. Nos papéis principais, além do próprio Redford, o longa traz Dustin Hoffman, Jason Robards, Jack Warden, Martin Balsam, Jane Alexander e Hal Holbrook.

PODCAST: Episódio #163 – Dicas Triplas do PFC #20

Em mais um episódio de dicas, Alexandre e Fred conversam com o crítico Rafael Amaral do Blog “Palavras de Cinema” e nesta oportunidade os três discutem uma trinca de filmes da década de setenta, cada um de uma nacionalidade diferente. O papo começa com o longa político de Costa-Gavras, “A Confissão” (L’Aveu, 1970), uma produção francesa, depois seguimos com a comédia italiana de Mario Monicelli, “Meus Caros Amigos” (Amici Miei, 1975) e encerramos com o diretor alemão Wim Wenders e o filme “O Amigo Americano” (Der amerikanische Freund, 1977).

PODCAST: Episódio #162 – Blade Runner

Fred, Alexandre e Sergio recebem Juliana Varella, do Podcast “Cinefilia & Companhia”, para um ótimo papo sobre um dos maiores clássicos produzidos na década de 80, o excepcional “Blade Runner: O Caçador de Andróides” (Blade Runner, 1982). A ficção científica dirigida por Ridley Scott e estrelada por Harrison Ford, Sean Young, Rutger Hauer e Daryl Hannah até hoje gera debate sobre a resolução de sua trama e certamente está entre os filmes mais influentes do gênero, servindo de inspiração para coisas que vão da MTV ao mundo da moda.